28/08/2018

A ARTE RECICLADA DE MARY ELLEN CROTEU




Plásticos, tampas de garrafa e outros objetos descartados, assumiram uma função completamente diferente nas obras criativas da artista norte-americana Mary Ellen Croteau. As pequenas peças de plástico, por exemplo, que não são recicláveis, colaboram para a poluição do meio ambiente.



Assim, na tentativa de encontrar maneiras de reaproveitar objetos que iriam para o lixo, Croteau as reutilizou em retratos e esculturas, demonstrando em seu trabalho, as enormes quantidades de lixo que estamos consumindo e enviando para o meio ambiente.

Confira alguns de seus trabalhos:


como resultado, ela se inspirou e construiu um auto retrato construído
 com mais de 7.000 tampas de plástico

“Acredito firmemente no poder do visual e meu trabalho é a minha voz. Minha arte é
sobre olhar para as coisas de uma forma diferente”, diz em entrevista ao My Modern Met.

QUANDO O ORIGAMI ENCONTRA A DANÇA E A FOTOGRAFIA

Melika Dez  e  Pauline Loctin , artistas de Montreal, se conheceram em janeiro de 2018 e decidiram combinar suas imaginações em uma colabor...